2

Engenheiro mostra sistema de portas

Engenheiros do Instituto de Ciências e Tecnologias Avançadas da Coreia do Sul lançaram, na noite do último domingo, 20, na capital Seul, o Armadillo-T. O minicarro elétrico, que mede 2,8 metros, consegue encolher e medir apenas 1,64 metro.

O veículo conta com quatro motores, um em cada roda, e pode ser acionado através de um aparelho celular, permitindo, assim, ser manobrado a distância. O grande atrativo do modelo é a sua capacidade de dobrar-se facilmente, lembrando um tatu-bola.

O minicarro tem capacidade para duas pessoas e atinge a velocidade máxima de 60km/h. Além de econômico e ecologicamente sustentável, o Armadillo-T surge como alternativa para o problema do intenso tráfego nas vias e a falta de vagas para estacionamento.

A colocação dos motores nas rodas é uma opção tecnicamente muito eficiente, além de facilitar a “dobradura” do carro-tatu. Pesando 450 kg vazio, o minicarro tem uma autonomia de 100km com seu conjunto de baterias de lítio completamente carregadas.

1

Dobrado, o minicarro mede apenas 1,64 metro

Embora a ideia dos coreanos seja bastante interessante e relevante, o Armadillo-T é, ainda, apenas um protótipo sem previsão para entrar em linha de montagem.

O projeto de pesquisa foi apoiado pelo governo coreano, pelo Ministério da Terra, Infraestrutura e Transportes e pela Agência de Infraestrutura Tecnológica da Coreia e apresentado a imprensa em agosto de 2014.

Anúncios