O Cantor Dinho da Banda capital inicial fez uma homenagem na noite de ontem (dia 14) em seu Show no Rock in Rio para Charlie Brown Jr e o Champignon O rock Brasileiro está de luto. É dificil entender o que aconteceu. Só sei que tinhamos muito respeito por essa Banda.

São amigos nossos e queremos fazer essa homenagem”. Conta Dinho. O momento que mais emocionou o público foi mesmo a rendição acústica de “Só os loucos sabem” um pouco antes contou também com a ajuda do público para cantar (“eu já esqueço, tropeço nas letras do Capital, o que dirá na dos outros”, contou Dinho), as dezenas de milhares em frente ao Palco Mundo cantaram as partes principais do clássico do CBJR.

A multidão cantou com bastante empolgação junto com o Capital Inicial. Sendo assim um diferencial na tradicional performance de Dinho Ouro Preto em grandes festivais. É a quarta vez na história do evento que o Capital participa e a homenagem ao Charlie Brown Jr. Dinho também usou um nariz de palhaço para cantar a música e falou no “primeiro presidiário congressista” do país.

“Vocês podem fechar os olhos de vocês e escolher o político preferido a quem dedicar a música”, prosseguiu.“Eu prefiro dedicar ao Parlamento brasileiro pelo conjunto da obra.” Dinho fez seu discurso pronto contra a política nacional, ao usar um nariz de palhaço. “É assim que os políticos lá de Brasília nos enxergam quando olham para nós”.

Dinho levanta o publico com suas “Natasha” e “À sua maneira”, versão de um sucesso da banda argentina Soda Stereo Banda. E  Dinho manteve o tradicional corre-corre no palco para o delirio do público.

Anúncios