Início

Há três anos projeto faz a felicidade de crianças carentes no bairro Planalto do Pici

Deixe um comentário

O Projeto Amor que Serve surgiu no dia 16 de outubro de 2014, ainda não denominado como amor que serve, no centro comunitário César Calls (CSU) no bairro Planalto do Pici com o objetivo de oferecer um dia de lazer para as crianças carentes da comunidade com: banho de piscina, lanche e muitos brinquedos.

A ideia do projeto Amor que Serve surge da cabeça de dez amigos, Bruno, Francisco, Jeane, Leonardo, Nágela, Neury, Paula, Priscila, Thais, Thaynara, que tinham um único próposito proporcionar alegria as crianças carentes da capital e dos interiores do Ceará.

“ Minha motivação é pensar no sorriso de cada criança, quando ganha um brinquedo, pois muitas vezes seus pais não podem comprar.É saber que no meio do caos que vivemos, podemos levar alegria, amor e a palavra do amor de Deus para elas.Minha motivação maior, é saber que de alguma forma, estou fazendo aqulio que Deus quer de mim. Essa é a missão que ele deixou em meu coração, e que eu desejo do fundo do meu ser, que seja continuada pela minha filhia, pela Ester”, comenta Nagela Maciel.

“Já a minha motivação é fazer o ide do Senhor, plantar uma semente no coraçãozinho deles.É sentir uma felicidade inexplicável dentro de mim, quando veja o sorriso deles é a satisfação dos pais. o impacto que o evento causa nas nossas vidas e na deles”,resalta Jeane.

“O projeto não é financiado por nenhum nem pelo poder público ou pela iniciativa privada, são os dez amigos, que durante meses pedem doações de briquedos e de alimentos a outros amigos e comerciantes locais. Eles também fazem rifas e vender camisas com o logo do Amor que Serve, “Todo esse esforço é pela felicidade dessas crianças”, diz Paula.

“ Apesar de nenhum de nós morarmos no bairro, resolvemos escolhê-lo pelos os indices alarmanrtes de violência, que vivenciamos enumeras vezes, quando estavamos trabalhando lá. É incrivel o destino, nós todos trabalhavamos no bairro, foi lá onde nos conhecemos e tivemos a ideia de desenvolver esse projeto, como uma tentativa de suaviçar o sofrimento dessas pessoas, que são deixadas a sorte pelo puder público”, desabafa Paula.

Leonardo outro idealizador do projeto afirma: todas as crianças são bem vindas, independente de sua cor, religião, portadora ou não de necessidades especiais. “Para nós o importante é o tamanho do sorriso dessas crianças, quando ganham um brinquedo”.

Thaynara comenta, que ficou horrorizada certa vez quando uma criança de 9 anos e outra de 1 ano e sete meses foram atingidas por um tiro no pé durante um tiroteio de guangues no Bairro. “As duas crianças, que são irmãos, estavam brincando em frente à casa em que moram, localizada na Rua Planalto Pici, quando dois homens surgiram de moto e efetuaram vários tiros contra outros quatro suspeitos”.

Em 2015 criaram o nome do projeto Amor que Serve, pois o foco principal era levar amor para as crianças, que muitas vezes faltava esse sentimento no seu dia a dia por conta das dificuldades, que os pais enfrentavam principalmente aos que morava no interiores, pois lá as dificuldades para ter acesso alguma coisa é mais précario do que em Fortaleza.

A parti dai surgiu as ações, que são feitas todo ano no periodo de outubro, dedicado às crianças. É  o mês que a aquipe se dedica para fazer o evento: com lanches, brinquedos, brincadeiras, palavra de Deus e principalmente muito amor, sem qualquer retribuição, reconhecimento, servir sem esperar receber ou ser reconhecido.

 

Anúncios

Galeria de fotos

Deixe um comentário

aHsmaPadVn

AMOR QUE SERVE!

Deixe um comentário

EXERCÍCIO COM SLIDESHOW

Deixe um comentário

ENTREVISTA COM OS PARALAMAS DO SUCESSO

Deixe um comentário

 

Quem depois de brigar com a pessoal amada não se trancou no quarto e ouviu” Ah meu Deus – Era tudo o que eu queria /Eu dizia o seu nome/Não me abandone jamais”. Se você ouviu esses versos é porque você é fã de uma das maiores bandas do cenário do pop rock brasileiro, formando junto com Barão Vermelho, Titãs e Legião Urbana, o quarteto de maior sucesso do rock brasileiro, chamado de “quarteto sagrado”.

A banda Os Paralamas do Sucesso começou no final de década de 70, mas alcançou o sucesso maior somente em 1984, com o disco “O Passo do Lui” que incluía sucessos como “Óculos”, “Me Liga”, “Romance Ideal” e “Ska”, com esses sucessos foram incluídos para tocar no Rock in Rio, no qual foram considerados uma das melhores apresentações de bandas nacional.

Mas, nem tudo é rock com esse grupo, em 4 de fevereiro de 2014,  por volta das 15h25, sofreu um acidente, que matou sua esposa Lucy Needhan-Vianna, 36, e o deixou em uma cadeira de roda.

Com muito esforço e amor à música, Herbert Viana volta aos palcos em 30 de julho, um ano e meio após o acidente de ultraleve.

Depois de 8 anos sem lançarem nenhum disco, a banda brasileira Paralamas do Sucesso está de volta! “Sinais do Sim”, o 21º disco da carreira deles, foi lançado em agosto e conta com 11 faixas. O grupo volta a Fortaleza para  tocar na 11ª edição do Ceará music e, receber um prêmio da Secretária Estadual de Cultura devido ao seu trabalho social, que ensina menores carentes a tocarem violão, teclado, guitarra e outros estrumentos musicais.

A  assessoria de comunicação da Secretária de Cultura teve a oportunidade de conversar com o trio, que tocará na volta do Festival Ceará Music 2017, em dezembro próximo.

1.Como começou o projeto de ensinar música a menores carentes?

2. Em 2001, a banda tocou sem o Herbert Viana. Qual é a emoção de tocar agora nesse festival com a presença do Herbert?

2.Os Paralamas ficaram 8 anos sem lançar nada em estúdio. Como esse período influenciou tanto a banda como o álbum?

3.Por quais motivos a banda levou 8 anos para gravar um cd de músicas inéditas?

4,Poderia nos dizer quais bandas e artistas influenciaram vocês em “Sinais do Sim”?

5.Todos veem grandes bandas irem se desmanchando durante o tempo, por brigas e outros fatores, qual é o segredo para vocês continuarem juntos?

6. Hoje é possível dizer que as feridas abertas com o acidente de Herbert estão definitivamente fechadas? Há bandas dos anos 80 que se moldaram para conquistar novas gerações, como o Capital, e outras que se mantém na ativa mais em função dos antigos fãs, como o Titãs. Onde o Paralamas se encaixa?

7. O grupo sempre fez músicas, que criticava a situação politica e econômica do pais, como: “Alagado” (1986), O Calibre (2002) e diversas outras. Por que o novo trabalho não possui nenhuma música com esse tom crítico, apesar de vivermos um tempo de lava jato, impeachment denuncia contra o Presidente da República, senadores, deputados?

8. O disco “Sinais sim” surgiu após a turnê de 30 anos de carreira. Como vocês conseguiram sair da nostalgia e criaram essas novas músicas?

9. Depois da divulgação do disco “Sinais sim”, Qual é o próximo passo?

10. que recado vocês gostariam de transmitir para os fâs?

Resultado de imagem para paralamas do sucesso

Os Paralamas do Sucesso é uma banda de rock, formada no município fluminense de Seropédica, em 1983. Seus integrantes desde então são Herbert Vianna, Bi Ribeiro e João Barone

 

Resultado de imagem para paralamas do sucesso em programas fotos

Os Pralamas do Sucesso tocam Alagados no programa Globo de ouro em 86

 

Resultado de imagem para herbert vianna fotos

Em 4 de fevereiro de 2014,  por volta das 15h25, sofreu um acidente, que matou sua esposa Lucy Needhan-Vianna, 36, e o deixou em uma cadeira de roda

 

Resultado de imagem para herbert vianna fotos

Herbert Viana volta aos palcos em 30 de julho, um ano e meio após o acidente de ultraleve

Resultado de imagem para paralamas sinais do sim

Paralamas do Sucesso está de volta! “Sinais Sim”, o 21º disco de carreira]

 

 

FONTES NATURAIS

Deixe um comentário

FONTES//embedr.flickr.com/assets/client-code.js

CAPA DE REVISTA

Deixe um comentário

Older Entries