Início

Mosteiro dos Jesuítas: De escola interna à mosteiro reconhecido no exterior

Deixe um comentário

Mosteiro dos Jesuítas- Baturité

O município de Baturité está entre as cidades com maior turismo religioso do estado. Entre os pontos turísticos, se destaca a Antiga Escola Apostólica dos padres Jesuítas de Baturité, mais conhecida como Mosteiro dos Jesuítas, que completou 95 anos do início das construções do local, no último sábado (03). Localizado na zona rural do município, acolhe pessoas de outras localidades para admirar local por trás da antiga escola interna para jesuítas.

O Mosteiro fica a 104km de Fortaleza, o clima frio e os constantes ventos são características costumeiras do local. Durante o percurso, as ruas inclinadas e esburacadas podem ser uma dificuldade, mas ao chegar ao destino, terá acesso a vista de toda cidade de Baturité e adjacências.

Entrando pelas escadarias da entrada do mosteiro, terá a visão de um pequeno monumento ao meio de um lago, em um jardim de formato circular espalhado de variadas flores e beija-flores recepcionando os visitantes. O jardim possui caminhos que levam aos corredores e alguns quartos da pousada.

O responsável pela construção do mosteiro foi o Comendador Ananias Arruda, que em 1921, doou o sítio “Olho D’água” ao padre jesuíta Antônio de Oliveira Pinto e no ano seguinte, os dois anexos do sítio: o “Jordão Mendes” e o “Caridade”. A partir de então, iniciou o transporte de materiais sob a ponte do rio Aracoiaba.

Com a doação, os jesuítas descobriram que o sítio Caridade possui uma enorme região composto por água, banana e café. Assim, eles produzem o próprio café e doces para venda e sustento dos moradores. Esta prática ainda ocorre nos dias de hoje.

No dia 3 de dezembro de 1922, a Pedra Fundamental foi benzida pelo então arcebispo de Fortaleza, Dom Manuel da Silva Gomes. A pedra foi retirada das ruínas da antiga escola para índios e o ponto de apoio de missionários localizado em Aquiraz, que devido a expulsão dos jesuítas do estado em 1748, levou a destruição do abrigo. No ato, compareceram várias figuras políticas, empresários, imprensa e população.

Junto a Pedra Fundamental, no terreno preparado para a construção, foram colocadas moedas em circulação, um exemplar do jornal “A Verdade”, e um pergaminho no qual o redator chefe do jornal “O Nordeste”, Dr. Andrade Furtado, lavrou uma ata histórica da cerimônia que foi assinada pelo Arcebispo, Comentador Arruda, Padre Antônio, Monsenhor Manoel Cândido dos Santos e Dr. Abner Vasconcelos, e dentre outros.

A inauguração da escola foi em 1927, com a parte leste concluída. De acordo com um dos administradores do mosteiro, Irmão David, a construção foi iniciada de leste a oeste em uma área de 110 metros de frente e 78 ao fundo, mas por falta de recursos, não foi possível completar. Contudo, os jesuítas pensaram em ampliá-lo pelos fundos.

O administrador destacou sobre as pessoas que moravam na escola. “Antigamente, moravam muitos padres e irmãos, porque aqui era um seminário menor, a formação inicial dos jesuítas, que eram os noviços, os juniorados e os alunos também”.

Em 1962, a escola deixou de funcionar e ficou conhecido como “Mosteiro de Jesuítas” e atualmente, está na administração do Padre Acrízio, o Irmão David e pelo Irmão Almeida.

O mosteiro funciona como uma pousada, visitação, eventos e retiros para o público. As pessoas podem visitar o local com uma quantia de R$2,00 por pessoa, como forma de manutenção e pagamento dos funcionários. Além de ponto de visitação, também é possível se hospedar em suas instalações que custa em torno de R$145,00 a diária, incluindo café da manhã, almoço e jantar.

Os retiros são definidos em 3 tipos. Os chamados Inacianos são para padres, freiras, religiosos e leigos, que terão a experiência do silêncio, oração e espiritualidade. Os retiros gru são feitos através das paróquias, agendando a data do ano para fazer o evento. O último seria o individual, podendo também agendar o dia, o orientador entregará um material para reflexões e participar das atividades dos jesuítas.

O conjunto de belezas e curiosas sobre a antiga escola fez chamar atenção não apenas das pessoas, mas também do Papa Francisco. Em 2015, conforme afirmado no portal online do Diário do Nordeste, ele demonstrou interesse em visitar o mosteiro de Baturité, enfatizando a beleza cearense no exterior.

Anúncios

Exercício com Slide Show

Deixe um comentário

Grupo japonês Arashi é uma das atrações do Ceará Music 2018

Deixe um comentário

No Japão, o grupo Arashi é um dos grupos mais populares e queridos pelo público. Não apenas pelas músicas, mas também por suas atuações em filmes, novelas e comerciais. Arashi(嵐), do português significa “tempestade”, foi apresentado em 15 de setembro de 1999, em Honolulu, Havaí.

Dois meses depois, o grupo lançou seu primeiro single chamado de “Arashi” em função da 8ª Copa do Mundo de Volei no Japão e trilha sonora do mini-drama do grupo “V no Arashi (Vの嵐)”. Nesta época, eles misturavam o pop e o hiphop através de suas composições e mesmo não fazendo tanto sucesso como estão hoje, já cativavam as fãs japonesas.

O grupo é formado por Satoshi Ohno, Sho Sakurai, Masaki Aiba, Kazunari Ninomiya e Jun Matsumoto. Além de cantores, os 5 são atores, modelos, compositores, apresentadores e dançarinos. Apesar de alguns integrantes se destacarem em funções específicas, Satoshi como artista e Sho como jornalista televisivo. O grupo permanece em atividade e fazendo muito sucesso por todo o Japão.

É a primeira vez que o grupo japonês chega em Fortaleza e é uma das atrações para o retorno do Ceará Music em 2017. Além disso, a Secretaria de Cultura do Governo do Estado irá homenageá-los como recepção ao grupo, como forma de agradecimento de contribuir a sociedade cearense através das canções e dos doramas(novelas) transmitidas.

Entrevistaremos o grupo na sexta feira (03), no hotel em que se hospedam.

1- Como enxergam a evolução do grupo através do tempo?
2- O que modificou na vida de vocês no momento em que o dorama “Hana Yori Dango” protagonizado por Jun, começou a fazer sucesso e muitas pessoas conheceram o grupo por conta da obra?
3- Vocês imaginariam fazer tanto sucesso dentro e fora do Japão? O que pensam sobre o reconhecimento do grupo pelo mundo?
4- O que acharam do público de Fortaleza? Que expectativas tiveram antes de viajarem à capital?
5-Em questão ao público, quais as estratégias para prender as fãs mais antigas e chamar ainda mais admiradores?
6- Como lidam com a fama e o sucesso, ao mesmo tempo, as críticas, escândalos e supostos boatos sobre os integrantes
7- De que modo o grupo contribui com os grupos novatos e que lições vocês aprenderam com bandas mais antigas?
8- Com o novo álbum “Untitled” e o novo single “Doors (Yūki no Kiseki)” em fase de finalização, o que o público do Ceará Music poderá aguardar?
9- Quais os planos para o futuro do Arashi?
10- Se pudessem voltar no tempo, qual o recado que dariam para si mesmos em 1999?

Em Setembro de 1999, o grupo foi apresentado pela mídia americana. Da direita para esquerda: Satoshi Ohno, Jun Matsumoto, Masaki Aiba, Kazunari Ninomiya e Sho Sakurai

Capa do álbum “Love so Sweet”, lançada em 21 de fevereiro de 2007. A música foi a abertura da segunda temporada de Hana Yori Dango, protagonizado pelo membro do grupo Jun Matsumoto (Na qual está sentado)

Em 2014, o grupo fez um show no mesmo local em que foram lançados em comemoração aos 15 anos de carreira, chamado de Arashi Blast in Hawaii. 

Em 2017, lançaram a 52ª música chamada Tsunagu, 3 meses depois, lançaram um album com o título 「untitled」, incluindo esta faixa.

O recente trabalho do grupo será lançado no dia 8 de novembro, é a música Doors ~Yuuki no Kiseki~. A música será tema da novela estrelado por Sho Sakurai chamada de “Sakini Umareta Dake no Boku”

Álbum de fotos- Arashi

Deixe um comentário

Arashi//embedr.flickr.com/assets/client-code.js

capa

Deixe um comentário

Steven Tyler nega convulsão de forma divertida na Web

Deixe um comentário

O vocalista do Aerosmith passou mal após o show em São Paulo, durante sua turnê pela America Latina

O cantor e compositor da banda Aerosmith, Steven Tyler, esclareceu em seu Twitter no último dia 30, que não havia sofrido nenhuma convulsão ou ataque cardíaco após o show feito em São Paulo, no domingo(24) e ter cancelado 4 apresentações de sua turnê latino-americana chamada “Aero-Verderci,Baby”. Uma delas seria em Curitiba, no dia 27.

De acordo com o site UOL, “Ainda sem revelar qual foi o problema que o fez voltar às pressas aos Estados Unidos e cancelar o restante da turnê, inclusive um show em Curitiba, Tyler falou que as informações de infarto ou convulsão foram apenas boatos”, no entanto, elogiou a criatividade da imprensa sobre as hipóteses do cantor ter passado mal no show.

O cantor de 69 anos publicou a seguinte mensagem conforme o site R7 ” Eu dou a todos vocês uma nota 10 pelas especulações criativas, mas eu certamente não tive um ataque cardíaco ou uma convulsão. ” Além disso, lamentou ter por ter que finalizar a turnê antes do previsto.

Publicação do cantor na rede social no ultimo dia 30

Segundo o site o Globo:”Num tom mais sério, se disse com o coração partido por ter ‘abandonado a turnê mais cedo’, especialmente num momento em que a banda está ‘tocando como nunca'”. Com isso, citou o Rock In Rio como referência do sucesso, na qual 100 mil pessoas compareceram ao evento.

Steven acrescentou que precisava ter deixado a turnê mais cedo por conta de um procedimento que teria que fazer e apenas seus médicos dos Estados Unidos podiam fazer.

Fonte: O Globo / R7 / UOL

Becky G manda mensagem para vítimas de desastres no México e Porto Rico

Deixe um comentário

Em seu twitter, a cantora e atriz americana Becky G deixou uma mensagem na tarde do último dia 20, direcionada para as vítimas do terremoto de magnitude 7,1 no México no último dia 19 e do furacão Maria, atingindo toda a ilha de Porto Rico, na manhã do dia 20.

Becky, que interpretou Trini Kwan, a ranger amarela do filme Power Rangers neste ano, possui descendências mexicanas. Sua postagem de conforto para os latinos, até o momento está com mais de 1 milhão e meio de compartilhamentos da rede social. A postagem apresenta a seguinte mensagem:”Rezando por este mundo que nós vivemos. Meus pensamentos estão com as pessoas no México e Porto Rico ❤️🇵🇷🇲🇽”

A tragédia que matou mais de 220 mexicanos, foi registrado no estado de Morelos, no centro do país, segundo o Serviço Sismológico Nacional (SSN). No entanto, a cidade do México e algumas cidades adjacentes também foi atingidas, deixando destruição de prédios e pânico entre as pessoas.

O tremor foi ocorrido do mesmo dia em que ocorreu outro abalo sísmico de magnitude 8,1 no país, em 1985, deixando  mais de 10 mil pessoas mortas na capital do país. O terremoto também ocorreu 10 dias depois do primeiro terremoto de 8,2 graus que assustou o México, no dia 7 de setembro, matando 98 pessoas.

Enquanto no dia seguinte, veio a chegada do furacão Maria, em Porto Rico. Com ventos de até 240km/h e após passar pelas Ilhas Virgens Americanas e pelas Antilhas Francesas , o furacão deixou a capital San Ruan, sem energia elétrica e destruiu várias casas.

Older Entries