Início

Há três anos projeto faz a felicidade de crianças carentes no bairro Planalto do Pici

Deixe um comentário

O Projeto Amor que Serve surgiu no dia 16 de outubro de 2014, ainda não denominado como amor que serve, no centro comunitário César Calls (CSU) no bairro Planalto do Pici com o objetivo de oferecer um dia de lazer para as crianças carentes da comunidade com: banho de piscina, lanche e muitos brinquedos.

A ideia do projeto Amor que Serve surge da cabeça de dez amigos, Bruno, Francisco, Jeane, Leonardo, Nágela, Neury, Paula, Priscila, Thais, Thaynara, que tinham um único próposito proporcionar alegria as crianças carentes da capital e dos interiores do Ceará.

“ Minha motivação é pensar no sorriso de cada criança, quando ganha um brinquedo, pois muitas vezes seus pais não podem comprar.É saber que no meio do caos que vivemos, podemos levar alegria, amor e a palavra do amor de Deus para elas.Minha motivação maior, é saber que de alguma forma, estou fazendo aqulio que Deus quer de mim. Essa é a missão que ele deixou em meu coração, e que eu desejo do fundo do meu ser, que seja continuada pela minha filhia, pela Ester”, comenta Nagela Maciel.

“Já a minha motivação é fazer o ide do Senhor, plantar uma semente no coraçãozinho deles.É sentir uma felicidade inexplicável dentro de mim, quando veja o sorriso deles é a satisfação dos pais. o impacto que o evento causa nas nossas vidas e na deles”,resalta Jeane.

“O projeto não é financiado por nenhum nem pelo poder público ou pela iniciativa privada, são os dez amigos, que durante meses pedem doações de briquedos e de alimentos a outros amigos e comerciantes locais. Eles também fazem rifas e vender camisas com o logo do Amor que Serve, “Todo esse esforço é pela felicidade dessas crianças”, diz Paula.

“ Apesar de nenhum de nós morarmos no bairro, resolvemos escolhê-lo pelos os indices alarmanrtes de violência, que vivenciamos enumeras vezes, quando estavamos trabalhando lá. É incrivel o destino, nós todos trabalhavamos no bairro, foi lá onde nos conhecemos e tivemos a ideia de desenvolver esse projeto, como uma tentativa de suaviçar o sofrimento dessas pessoas, que são deixadas a sorte pelo puder público”, desabafa Paula.

Leonardo outro idealizador do projeto afirma: todas as crianças são bem vindas, independente de sua cor, religião, portadora ou não de necessidades especiais. “Para nós o importante é o tamanho do sorriso dessas crianças, quando ganham um brinquedo”.

Thaynara comenta, que ficou horrorizada certa vez quando uma criança de 9 anos e outra de 1 ano e sete meses foram atingidas por um tiro no pé durante um tiroteio de guangues no Bairro. “As duas crianças, que são irmãos, estavam brincando em frente à casa em que moram, localizada na Rua Planalto Pici, quando dois homens surgiram de moto e efetuaram vários tiros contra outros quatro suspeitos”.

Em 2015 criaram o nome do projeto Amor que Serve, pois o foco principal era levar amor para as crianças, que muitas vezes faltava esse sentimento no seu dia a dia por conta das dificuldades, que os pais enfrentavam principalmente aos que morava no interiores, pois lá as dificuldades para ter acesso alguma coisa é mais précario do que em Fortaleza.

A parti dai surgiu as ações, que são feitas todo ano no periodo de outubro, dedicado às crianças. É  o mês que a aquipe se dedica para fazer o evento: com lanches, brinquedos, brincadeiras, palavra de Deus e principalmente muito amor, sem qualquer retribuição, reconhecimento, servir sem esperar receber ou ser reconhecido.

 

Anúncios

Galeria de fotos

Deixe um comentário

aHsmaPadVn

AMOR QUE SERVE!

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Entrevista com Jota Quest

Deixe um comentário

Jota Quest é uma banda brasileira de pop rock formada em Belo Horizonte, em 1993. Com inspiração do desenho animado Jonny Quest, a banda encontrou inspiração na banda acid jazz Jamiroquai. Em 1996, foram contratados pela Sony Music e gravaram o primeiro álbum J.Quest, trouxe alguns singles de destaque, como a regravação de “As Dores do mundo” (de Hyldan) e “Encontrar Alguém”.

Em 1998, a banda lançou o trabalho De volta ao Planeta consolidando sua carreira em todo o pais. A música “Fácil”foi uma das faixas mais tocadas da época e o grupo conquistou seu primeiro disco de platina por vender mais de 250 mil cópias do disco.

Em 2000, o conjunto lançou o disco Oxigênio, que foi um disco mais rock da banda, trazendo várias baladas românticas como “Dias melhores”, “O que eu também não entendo” e “Tele-fome”

Dez anos depois do lançamento do primeiro CD, a banda marca presença no cenário pop rock brasileiro. Ao todo foram seis CDS, milhares de shows e recordes de público por todo o Brasil, apresentação nos Estados Unidos.

  1. Qual analise sobre o rock nacional atualmente?

R: Olha César, tem muita gente por aí querendo escrever, querendo botar pra fora seu trabalho. O que a gente não tem atualmente e que nós como banda tivemos de uma forma muito boa, que na verdade mudou todo um modo de vida. Inclusive eu estou aqui hoje por causa disso. Nos anos 80 foi uma abertura muito grande, e nos anos 90 uma coisa maravilhosa da qual o Jota Quest e outras tantas bandas, se beneficiaram para caramba que era  “Business”, que era uma indústria do disco, que de alguma maneira sempre cuidou do rock brasileiro.

2. Então voces acredita que em algum momento o rock nacional consiga relevância novamente?

R: O rock continua acontecendo só que ele não chega ao grande público e não existe mais a indústria. A gente tinha a gravadora investindo em artistas, com bom relacionamento com rádios, com a MTV apontando para o que era mais bacana, com festivais acontecendo paralelamente, dando sustentação a todas essas bandas, tudo isso acontecia. Hoje tudo isso está muito enfraquecido, não existe um investimento, uma indústria do Rock que pudesse apoiar, que pudesse dar sustentabilidade, lançar novos artistas, dar a apoio aos que já estão aí fortalecendo-os, etc.

3.  Voces tem alguma sugestão que não fosse grana, que pudesse fomentar o mercado, voces já pensaram sobre isso?

R: Eu acho que já passou da hora das companhias grandes e médias sentarem para conversar e dizer: “Galera, o negócio é o seguinte, tem uma porrada de moleque, de gente órfão nessa porra desse país querendo ouvir um Rock and Roll brasileiro, feito no Brasil, etc. Pega uma porra de dinheiro vamos botar nessa molecada, vamos começar tudo de novo, senta chama os principais caras de rádio, Punk Rock, vamos começar tudo de novo, precisamos de vocês, vamos sentar juntos.

JOTA QUEST 1

Show de gravação do DVD da banda

JOTA QUST 2

Jota Quest abre palco mundo do rock in Rio

JOT QUEST 3

Ônibus da banda Jota Quest se preparando para mais um show.

Karol-Conka-e-Rogerio-Flausino_47A64451-855x570

Novo estilo de Rogério Flausino

 

Rock in Rio

Deixe um comentário

IVETE FAZ SHOW EMOCIONANTE//embedr.flickr.com/assets/client-code.js

Aviões Fantasy: fãs começam a entrar no clima da festa com fantasias inéditas

Deixe um comentário

Uma das maiores e mais tradicionais festas realizada em Fortaleza já está em contagem regressiva. O aniversário da banda Aviões do forró acontece no próximo dia 30 de setembro, na Arena Castelão.

Que terá como atração Matheus e Kauan, Avine Vinny e o projeto de deejays que está conquistando mundo a fora: Make U Sweat.

A aproximação da festa do Aviões Fantasy esquenta a procura por fantasias. Tem gente que aluga o “look” de super-herois, mulher maravilha, mágico, bailarina. Outros coloca coisas mais leves como um adereço na cabeça ou algo mais pesado: um chifre grande, uma asa.

Já outros procura, costureiras para fazer suas fantasias inéditas do modo que quiser, sem copiar os outros, uma coisa diferente.

 

Fonte: G1, O povo online, Tribuna do Ceará.

images (1)

Fãs no clima da festa

 

fantasy

Evento mais esperando pelos fãs do Aviões

 

images

Fantasias inusitadas dos fãs

 

 

Older Entries